Projetos

Metrô de Curitiba-Linha Azul-Projeto Básico

Descrição do Projeto

 

A Linha Azul do Metrô de Curitiba compreenderá uma extensão de 22 km e 19 estações quando finalizada sendo 2,2 km em via elevada, 7,4 km em Cut&Cover e 12,1 km em túnel.

 

Atuação da Infra7

 

A Infra7 participou no estudo de viabilidade, na elaboração do projeto básico de geotecnia e ainda em estudos para o projeto executivo da Linha Azul do Metrô de Curitiba.

 

Imagem 1

 

Foi realizado o dimensionamento de túneis de via e estações pelo método de elementos finitos, considerando o faseamento construtivo no cálculo.

 

Foram ainda, elaborados estudos que tiveram por objetivo a apresentação de recomendações técnicas para a especificação da máquina tuneladora a ser empregada na construção da nova linha.

 

Para o estudo do gabarito dinâmico foi considerado trens tipo da fabricante CAF com alimentação elétrica por catenária rígida, os mesmos adotados nas Linhas 4 e 5 do Metrô de São Paulo. Nesse estudo, foi considerado uma condição em curva de raio 300 m com superelevação de 144 mm. Com um diâmetro interno 9,80 (9,50 m + folga construtiva de 15 cm no raio) e considerando um anel de revestimento de 45 cm de espessura e um espaço anelar de 15 cm, o diâmetro de escavação da tuneladora fica estabelecido em 11,0 m.

 

 Imagem 2

Imagem de um típico equipamento do tipo EPB (adaptado de Herrenknecht, 2013).

 

 

Aspectos Principais do Projeto

 

  • Relevo ao longo do traçado é bastante acidentando, com oscilações constantes entre cotas máximas  (≈ 940 m) e mínimas (≈ 890 m);
  • Túnel de via atinge coberturas mínimas e máximas em torno de 10,7m e 23,7m, respectivamente;
  • Maior parte do trecho atravessa camadas de argila;
  • Lençol freático local ocorre próximo à superfície, entre 1,0 e 2,0 m de profundidade, mas podendo ocorrer em profundidades de até 7,0 metros em trechos localizados.